quarta-feira, 28 de maio de 2008

Anna Swir

Eu falo com o meu corpo



Corpo, és um animal
cujo comportamento adequado
é a concentração e a disciplina.
Um esforço
de atleta, de santo e de praticante de yoga.

Bem treinado
podes vir a ser para mim
uma porta
por onde sairei de mim
e uma porta
por onde entrarei em mim.
Uma linha de prumo até ao centro da terra
e uma nau cósmica até Júpiter.

Corpo, és um animal
para quem a ambição
é legítima.
Possibilidades esplêndidas
estão-nos prometidas.



(versão minha, a partir da tradução do polaco para inglês de Czeslaw Milosz e Leonard Nathan reproduzida em Talking to my body, Copper Canyon Press, Washington, 1996, p. 121).

Sem comentários: