domingo, 8 de junho de 2008

James Tate

Ensinando o macaco a escrever



Não tiveram grandes problemas
em ensinar o macaco a escrever poemas:
primeiro amarraram-no a uma cadeira
depois ataram o lápis à sua mão
(o papel já fora previamente fixado).
Então o Dr. Bluespire inclinou-se sobre ele
e murmurou-lhe ao ouvido:
"Parece-me que está confortavelmente sentado.
Não quer experimentar escrever qualquer coisa?".



(versão minha; original reproduzido em A book of luminous things, organização e introdução de Czeslaw Milosz, Harcourt Brace & Company, San Diego, 1996, p. 251).

1 comentário:

Jota disse...

Ah, o prazer da ironia...! um abraço.